Ileides Muller

Feliz é o poeta que traduz a vida e reinventa a rotina.

Textos


QUIETUDE

Em sã quietude
      invisto no ser.

Agulha de seda
costura destino
molda a rotina
ajusta a ordem
       faz vencer.

Com meus botões
soletro silêncio
e o tempo responde.

         Isso aprendi com as estrelas.


(Do livro Catador de Invisível)
Ileides Muller
Enviado por Ileides Muller em 15/05/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar a autoria: Ileides Muller.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras