Ileides Muller

Feliz é o poeta que traduz a vida e reinventa a rotina.

Textos


GARÇA BRANCA 

A graça da garça branca
está nas pernas fininhas.
Pernas de dois andares
com dobradiça no meio.

A graça da garça branca
está nas curvas do pescoço
que formam a letra "esse"
sugestiva de silêncio
na maciez do banhado
enquanto o peixe não vem.

A graça da garça branca
está no olhar subaquático
e na cabeça pequena
que sustenta um bico grande
para fisgar o sustento.

A graça da garça branca
está na brancura do voo
que esgarça o tecido azul
enquanto a noite não vem.


(Do livro "Catador de invisível"
Foto da autora, no mar de Paraty/RJ. 2017)
Ileides Muller
Enviado por Ileides Muller em 16/05/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar a autoria: Ileides Muller.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras