Ileides Muller

Dormi semente, acordei flor. É dia de poesia!

Textos


CONTRAPONTO

Se grito, o silêncio me repreende
Se fujo, a realidade me encontra
Se ofendo, a consciência me acusa
Se brigo, a paz me reprova
Se erro, o tempo me corrige
Se choro, a alegria reclama
Se caio, a coragem me levanta
Se odeio, o amor me ensina
Se desisto, a alma protesta
Se paro, a vida me chama.
Deus me ama.
Ileides Muller
Enviado por Ileides Muller em 08/07/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar a autoria: Ileides Muller.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras