Ileides Muller

Dormi semente, acordei flor. É dia de poesia!

Textos


PAI - AMOR QUE FICA


Pai era autoridade maior
no meu reino infantil.
Olhar sereno
jeito seguro
firmeza nas decisões
justiça nas correções.
Ao seu lado
sentia-me forte, invencível.
Não tinha medo do escuro
nem do futuro.

Hoje é presença invisível
no meu céu de lembranças.

Amor de pai nunca morre.
Fica nos sábios conselhos
nas lições de vida
de amor
que fazem novas
minhas antigas saudades.


(Do livro: Poemas para fim de tarde)
Ileides Muller
Enviado por Ileides Muller em 09/08/2015
Alterado em 16/11/2015


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras